Pesquisar este blog




UNEB esclarece nota de repúdio enviada pela CDL

quinta-feira, 24 de maio de 2012

A Universidade do Estado da Bahia (UNEB) por meio do Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias (DCHT), campus XXIV – Xiquexique, vem desenvolvendo suas atividades há nove anos na cidade de Xiquexique e região, buscando contribuir para o desenvolvimento regional mediante a oferta dos Cursos de Graduação, Pós-Graduação, Pesquisas e Extensão.

Por ser uma instituição pública está submetida à legislação especifica para efetuar suas compras, a qual determina uma tramitação própria para órgãos governamentais. Todos os órgãos devem seguir a Lei de Licitações e Contratos do Estado da Bahia nº 9.433/05 e a Lei Federal nº 8.666/93 que regulamentam as compras públicas.

Neste sentido, para participar do processo licitatório, é necessário que as empresas sejam cadastradas no Portal de Compras Eletrônicas do Estado da Bahia (COMPRASNET), e em seguida no Sistema de Informações Contábeis e Financeiras (SICOF), além de obter Edital específico referente à compra ou serviço, publicado no Diário Oficial do Estado da Bahia (DOE). Ou seja, só podem participar do processo de licitação, a empresa que estiver regularmente cadastrada e ativa no âmbito da Administração Pública Estadual.

Ao publicar a licitação no DOE, como principio estabelecido por lei, a livre concorrência está aberta, logo, não se pode determinar qual empresa será a vencedora, ou em que município está a sua sede.

O Campus XXIV não tem registro de que as empresas citadas na Carta de Repúdio publicada pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Xiquexique, tenham se credenciado para participar do processo licitatório. A falta de informação tem inviabilizado que empresas possam participar dos processos licitatórios.

Na oportunidade, informamos que a equipe do DCHT, campus XXIV da UNEB, encontra-se à disposição das empresas interessadas quanto aos procedimentos inerentes aos processos licitatórios não oriundos da UNEB, mas de outros órgãos da administração pública, sediados em Xiquexique-BA.


Prof. João Silva Rocha Filho
Diretor UNEB DCHT – Campus XXIV

12 comentários:

Anônimo disse...

Pois é Clessio , você perdeu a chance de ficar calado. É muito significativo saber que em Xique-Xique existe a CDL, pois realmente ela poderá e muito ajudar o comercio local. Mas antes de qualquer atitude, como a sua, você poderia ter entrando em contato com a Uneb local.Se queria lutar pelos direitos dos comerciantes de Xique-Xique, você deveria ter feito uma visita a Uneb e pedir informações mais detalhadas antes fazer aquele papelão.

24/5/12 07:30
Anônimo disse...

Essa opinião das 7:30hs foi perfeita!!!

24/5/12 10:34
Anônimo disse...

Aqui em xique-xique é assim infelismente.
Sou de Xique-Xique nasci aqui, mas nessa terra as pessoas não podem questionar nada, tem quer ficar calado, vendo o errado e aceitar numa boa. isso sim é uma ditadura disfarçada. E AINDA TEM GENTE QUE DEFENDE O SILÊNCIO.
A exemplo da CDL outros orgãos e até a população deveriam brigar por seus interesses, não basta discurso é preciso ação

24/5/12 10:58
Anônimo disse...

Quando as pessoas querem distorcer os fatos é complicad.

A exemplo a frase nesse Blog NUNCA DISCUTAS COM UM IDIOTA, ELE TE REBAIXA AO NÍVEL DELE E TE VENCE PELA EXPERIÊNCIA.

Parabéns CDL, vão em frente.

24/5/12 11:01
Anônimo disse...

Gostei da sua colocação anonimo das 10:58, realmente a população engole tudo que chega aqui, menos valorizar as pessoas que nasce e cresce aqui enclusive os estudantes não sabem que quem faz graduação na Uneb ao fazer a pós na mesma instituição não paga e eles continuam pagando.

24/5/12 13:41
Anônimo disse...

Caro Anônimo 13:41, o sr. deve estar mal informado: eu lhe pergunto quanto custa uma mensalidade de um curso de Pós-Graduação em uma Instituição Particular? Pelo que sei o curso de Pós da UNEB de Xique-
Xique custa simbolicamente apenas mízeros R$ 50,00 mensais.

24/5/12 15:07
Anônimo disse...

Cinquenta é pouco pra muitos, mais é muito pra poucos.

mizeros... Rssss

24/5/12 16:09
Anônimo disse...

50,00 e pouco pra muitos, ma é muito pra poucos...

24/5/12 17:47
Anônimo disse...

O desconhecimento da lei provoca esse tipo de situação.
Lei 8666

25/5/12 21:55
Anônimo disse...

Srs. Anônimos 16:09 e 17:47, Para quem não pode arcar com o custo, pode solicitar uma bolsa de estudos.

26/5/12 00:19
Anônimo disse...

COMENTÁRIOS DEVEM SER FEITOS COM RESPONSABILIDADE, PRINCIPALMENTE SE TRATANDO DE ASSUNTOS QUE NÃO DOMINAMOS...

6/6/12 06:22
Maria Bokuda disse...

O que vejo aqui em Xique-Xique é o medo operando e forçando as pessoas que questionam, que vão atrás de seus direitos serem perseguidas e passam até a serem mal vistas perante a sociedade!
Precisa-se sim, cobrar das autoridades, empresas, universidades, prestação de contas. É nosso dinheiro que está em jogo...pois somos contribuintes. Vejo um grande conchave entre prefeitura e a administração da UNEB.
Estamos de olho!!

6/6/12 12:46

Postar um comentário