Pesquisar este blog




A lista negra de Alberto Cantalice

sábado, 9 de agosto de 2014

Em artigo publicado no site do PT, Alberto Cantalice, vice-presidente do partido e coordenador de redes sociais da legenda, fez duras críticas aos chamados por ele de “pit bulls da mídia”. 





Três vezes derrotados nos pleitos presidenciais, por Lula e Dilma e o PT, os setores elitistas albergados na grande mídia, ao se verem na iminência do quarto revés eleitoral, foram ao desespero.    Diurtunamente lançam vitupérios, achincalhes e deboches contra os avanços do país visando desgastar o governo federal e a imagem do Brasil no exterior. Inimigos que são das políticas sociais, políticas essas que visam efetivamente uma maior integração entre todos os brasileiros,  enquanto eles pregam seu fim.

Profetas do apocalipse político, eles são contra as cotas sociais e raciais; as reservas de vagas para negros nos serviços públicos; as demarcações de terras indígenas; o Bolsa Família, o Prouni e tudo o mais.

Eles são divulgadores de uma democracia sem povo.
Personificados em Reinaldo Azevedo, Arnaldo Jabor, Demétrio Magnoli, Guilherme Fiúza, Augusto Nunes, Diogo Mainardi, Lobão, Gentili, Marcelo Madureira entre outros menos votados, suas pregações nas páginas dos veículos conservadores que estimulam setores  reacionários e exclusivistas da sociedade brasileira a maldizerem os pobres e sua presença cada vez maior nos aeroportos, nos shoppings e nos restaurantes.
Os arautos do caos, prevendo e militando insistentemente pelo fracasso do governo Dilma  tendo, inclusive, como ponta de lança a revista Veja, assistem desolados o entusiasmo do povo brasileiro que reelegerá a presidente Dilma Roussef.
Desnudam-se, pois, os propagadores do ódio. A hora é de renovar as esperanças e acreditar no Brasil!

Alberto Cantalice

1 comentários:

Anônimo disse...

todos estão errados, apenas esse nobre senhor, que vive as custas dos impostos que NOS pagamos! é isso mesmo, o certo vira errado e o errado vira certa!, inversão de valores;. Brasil piada em todos os sentidos.

11/8/14 08:58

Postar um comentário