Pesquisar este blog




Marina Silva, a queridinha do mundo fashion

quarta-feira, 20 de agosto de 2014



Não há figurino melhor para esta eleição presidencial do que o de Marina Silva.
A própria Marina Silva sabe o quanto não está preparada para ser Presidente do Brasil. Ela tem experiência eleitoral, já cumpriu mandatos em Casas Legislativas e foi Ministra. 

Mas qual foi mesmo o grande feito político dela? Ela tem mais experiência que Dilma Rousseff ?  Qual mesmo é a equipe de profissionais, em todos os sentidos possíveis, que ela teria a seu dispôr? Qual é a estrutura do PSB para governar um País das dimensões do Brasil?

Por sua total inofensividade Marina Silva é vista com grande condescendência pelos jornalistas que cobrem as eleições. Além de não morder, de não ter chances e de ser inviável, Marina Silva é o ponto de fuga ideal para o jornalista posar de "nem-nem": Nem petista nem tucano, nem Dilma Rousseff, nem Aécio Neves.

Marina Silva, que não é boba, goza plenamente de sua condição privilegiada. Ela tem uma amenidade óbvia para dizer sobre qualquer assunto. Virou a política das propostas genéricas, ou melhor, uma especialista em generalidades, com a vantagem de ganhar pontos e elogios para cada nova. A favor ou contra o Bolsa Família? Nem uma coisa nem a outra, ela tem uma resposta equilibrada, ainda que nenhuma proposta ou solução. É contra os tucanos? Nem sim nem não, muito pelo contrário! E contra o PT? Nem não nem sim, "a vida não é assim preto no branco gente".

As únicas vezes em que Marina Silva é questionada de fato ou contestada é quando toma opiniões que não são nada genéricas, e que surpreendem por fugir do roteiro "progressista" que os jornalistas gostariam que ela seguisse. É nessas horas que Marina se manifesta contra o Aborto e contra o Casamento Gay, esfarelando de imediato o óbvio que professa.

Assim, as questões sobre o seu passado político, sobre suas opções e opiniões em fatos marcantes da política nacional não são dignas nem de rodapé.


Ela não precisa responder e as pessoas não precisam saber, ela é apenas e simplesmente a Marina
 que é, novamente, a "queridinha" da grande mídia e de boa parte da classe média dita "descolada" e, por mais paradoxal que possa aparentar, também benquista por uma boa fatia de parte da classe média mais conservadora. Seduz, portanto, a gregos e troianos – mais, notadamente, cariocas e paulistas e demais eleitores de regiões metropolitanas.

1 comentários:

Anônimo disse...

Minha kerida vc sera a nova presidente do Brasil, aguardem!!!

20/8/14 22:40

Postar um comentário