João Leão é hostilizado na Barra

quinta-feira, 18 de junho de 2015


Desde que teve o seu nome envolvido no escândalo da Lava Jato, o vice-governador da Bahia, João Leão (PP), tem passado por momentos difíceis. Tem circulado sozinho pelo interior, já que o governador Rui Costa (PT) o excluiu da sua comitiva oficial, por justa causa.

Na terça-feira (16), numa visita oficial à cidade da Barra, no município vizinho a XiqueXique, quando foi  reinaugurar o Hospital Santa Rita-FABAMED,  Leão passou por mais um constrangimento, tendo que enfrentar uma manifestação popular, em um dos seus maiores redutos eleitorais.

Manifestantes portavam faixas e cartazes referindo-se à  Operação Lava Jato.

Os manifestantes fizeram o maior barulho, impedindo que o vice-governador Leão comparecesse a evento em praça pública, onde um palanque o esperava para que ele fizesse um discurso.

João, que tinha ido ao município de Barra para reinaugurar o hospital, cortou caminho, fez desvios, fez  atalhos  e   pegou um aviãozinho voando de volta para a capital do estado.

0 comentários:

Postar um comentário