Em Salvador, aposentado amarra e prende Cunha

sexta-feira, 1 de abril de 2016




Presente às manifestações em defesa da presidente Dilma Rousseff e da democracia, em Salvador, nesta quinta-feira (31), o bancário aposentado Manoel Meneses levou o presidente da Câmara dos Deputados, "Eduardo Cunha (PMDB-RJ) preso e amarrado". O aposentado disse que "este é o lugar onde ele deveria estar".

"Sou o único brasileiro que botou Cunha na cadeia e amarrado", disse Manoel Meneses em tom descontraído em entrevista ao Bahia Notícias. Ainda de acordo com o aposentado, "o Brasil vive uma situação de complexidade".

"Estamos tendo um quadro difícil. Temos que discutir uma assembleia nacional constituinte exclusiva. Nenhum governo vai prosperar com esse governo que temos aí", opinou.

O aposentado ponderou ainda que "o PT caiu na armadilha da governabilidade". "O Brasil é um trem grande em movimento, as vezes que tem que pegar passageiros como o PMDB. O PMDB achou que tinha que descer do trem, mas não foi bom para o país".

A Polícia Militar da Bahia estima que aproximadamente 25 mil pessoas participam da manifestação em Salvador.

0 comentários:

Postar um comentário