Pesquisar este blog




Curso de Medicina da Universidade de Pernambuco é investigado por preconceito contra médicos cubanos

sexta-feira, 17 de junho de 2016




A Universidade de Pernambuco (UPE) investiga denúncia sobre o conteúdo pejorativo contra médicos cubanos em uma prova.

O teste aplicado na última segunda-feira (13) para alunos do 2º período do curso de Medicina usou um termo jocoso para falar sobre os profissionais estrangeiros: “um pseudo médico cubano afirma que o comprometimento é da artéria espinhal anterior”.

A questão pedia a avaliação de um paciente que após cateterismo de artéria vertebral desenvolveu uma tetraplegia.

Entre as alternativas que o aluno precisaria indicar como certa ou errada estava a palavra “pseudo”, o que chamou a atenção.

Em nota, a UPE garantiu que está fazendo contato com a coordenação do curso e com o Instituto de Ciências Biológicas (ICB) para averiguar a situação.

A universidade informou que, caso se comprove a denúncia, medidas institucionais serão tomadas. Veja os quesitos:            
A resposta correta é "C".

0 comentários:

Postar um comentário