Pesquisar este blog




Gerente do Planejamento do governo usurpador pode ser o próximo a cair entregue pela Globo

sábado, 18 de junho de 2016




Depois de Romero Jucá, do Planejamento, Fabiano Silveira, da Transparência, e Henrique Eduardo Alves, do Turismo, quem será o quarto ministro do governo interino de Michel Temer a ser demitido?
"Todo dia nos perguntamos: quem vai cair hoje?", ironizou a presidente eleita Dilma Rousseff (leia mais aqui), sobre o desmoronamento da administração Temer.

No que depender do jornal O Globo, da família Marinho, a bola da vez será o titular da Educação, Mendonça Filho (DEM), neófito na área, que se notabilizou por ouvir as propostas de Alexandre Frota e dos Revoltados Online para o setor.
Mendoncinha aparece na capa do Globo deste sábado, como mais um investigado na Lava Jato. O motivo: uma suposta propina de R$ 100 mil, paga pela UTC Engenharia, que ele nega. A notícia também foi veiculada no Estado de S. Paulo, mas não ganhou a manchete principal.
Ontem mesmo soube-se que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu a abertura de inquérito contra Mendonça Filho. 
Segundo O Globo, ele deve pedir para sair. "O presidente interino, Michel Temer, determinou que todo ministro que tiver envolvimento com irregularidades deve pedir demissão", informa o jornal.

0 comentários:

Postar um comentário