Novas eleições para presidente ganham força

quarta-feira, 8 de junho de 2016



Já há no PMDB do Senado quem veja um risco de ingovernabilidade se desenhando a partir dos pedidos de prisão feitos por Rodrigo Janot, o que pode dar força à proposta de novas eleições diretas, segundo o Painel, da colunista Natuza Nery.

Janot pediu a prisão dos presidentes do Senado, Renan Calheiros, e da Câmara, Eduardo Cunha, ambos do PMDB, do presidente de honra do PMDB, José Sarney, e do presidente em exercício do partido, Romero Jucá, por tentativa de obstrução das investigações da Lava Jato.

Um grupo de 16 senadores encaminhou ontem (7) ofício ao procurador-geral solicitando que compartilhe os detalhes da delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, inclusive os áudios de gravações feitas por ele.

No documento, eles argumentam que os trechos da delação que foram divulgados geram “ambiente de insegurança jurídica e política” para as instituições, particularmente o Senado, e a transparência é a melhor defesa contra “interesses ocultos”.

0 comentários:

Postar um comentário