Pesquisar este blog




Vereadores de Feira de Santana atribuem ao deputado Jean Wyllys a autoria de um projeto que não existe

sexta-feira, 1 de julho de 2016



Vereadores da Câmara Municipal de Feira de Santana estão indignados com um projeto de lei do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) que teria como objetivo alterar a Bíblia. O problema é que ele não existe.

De acordo com o colunista do jornal O Globo Lauro Jardim, o texto, que circula nas redes sociais há pelo menos um ano, atribui ao parlamentar do PSOL a tentativa de propor uma emenda à Bíblia para retirar trechos considerados homofóbicos.

"Trago um assunto nesta manhã, que entendo que os valores estão sendo modificados neste país. Olha o que o deputado Jean Wyllys tem pronunciado, colocando projetos. Ele tem preconceito com os cristãos, ele odeia os cristãos, é um verdadeiro membro do Talibã no Brasil", afirmou o vereador

Outros vereadores concordaram com o posicionamento do pepista e criticaram Jean Wyllys. "Não podemos concordar com esse posicionamento GLBT. Recebi o processo do Ministério Público, o qual o GLBT me colocou devido às minhas posições. Mas pode colocar o tanto de processo que tiver, não vou arredar um palmo. Não tenho raiva, não tenho ódio, mas não comungo com a prática do pecado, não vou colocar minhas digitais para dar benefícios ao grupo gay, porque vai de encontro à palavra de Deus", disse Edvaldo.

Após gafe dos vereadores de Feira de Santana, o deputado federal, Jean Wyllys usou sua rede social para fazer piada sobre o ocorrido. O baiano usou um meme onde aparecia ‘caindo’ na gargalhada.

“É mais engraçado que vídeo do Porta dos Fundos. Mas, ao mesmo tempo, é triste. Eu, como baiano, morro de vergonha desses patetas!”, escreveu Jean.


0 comentários:

Postar um comentário